Medicina perioperatória

perioperative ultrasound for perioperative medicine

Para além do bloco: o ultrassom perioperatório pode ajudar a simplificar o atendimento ao paciente

A função do anestesiologista está mudando. Com hospitais em busca de maneiras inovadoras para simplificar o atendimento ao paciente e melhorar os resultados, espera-se cada vez mais que anestesiologistas forneçam um atendimento ao paciente que vá além da anestesia geral e dos bloqueios nervosos. A medicina perioperatória - gerenciamento da dor e as responsabilidades de atendimento ao paciente - agora vão além da sala de cirurgia e estão presentes também durante a recuperação. Anestesiologistas possuem novas funções antes, durante e após a cirurgia.

Agora, os anestesiologistas estão desenvolvendo novas habilidades, como usar o ultrassom perioperatório no local de atendimento, o que anteriormente seria delegado a outro especialista. Saber como fazer a varredura em pacientes perioperatórios em busca de complicações e doenças é, na realidade, uma medida que poupa tempo e pode melhorar significativamente os resultados do paciente e diminuir as internações hospitalares.

Como o ultrassom no local de atendimento pode ajudar na medicina perioperatória?

O ultrassom no local de atendimento (POCUS) é um componente cada vez mais fundamental na medicina perioperatória, especialmente no atendimento ao cliente. Com várias aplicações, como ajudar na colocação da anestesia local, e ajudar a determinar e a prevenir complicações pós-operatórias, perioperativistas verão que o POCUS é uma ferramenta indispensável para fornecer melhores resultados ao paciente.

As aplicações comuns do ultrassom perioperatório incluem:

  • Monitoramento hemodinâmico e gerenciamento do status de volume
  • Identificação de efusão pericárdica ou tamponamento
  • Detecção de patologia cardiopulmonar, incluindo pneumotórax
  • Colocação do tubo endotraqueal (TET)/gerenciamento das vias respiratórias
  • Avaliação focada da ecocardiografia transtorácica (exame FATE)
  • Análise dos conteúdos gástricos
  • Avaliação da instabilidade hemodinâmica (exame FAST)
  • Bloqueios de nervos guiados por ultrassom

Quais são os melhores sistemas e tecnologias de ultrassom para perioperativistas?

A seguinte lista de aparelhos de ultrassom da Sonosite é recomendada para perioperativistas.

Sistema de ultrassom SII Desenvolvido especificamente para anestesiologistas e salas de cirurgia movimentadas, o SII pode ser montado na parede, no teto ou em um suporte para acessibilidade segura. Os controles enxutos e simplificados foram desenvolvidos para a operação com uma única mão e sua qualidade de visualização ajuda na confiança da imagem.

Sistema de ultrassom Edge II O ultrassom portátil Edge II de ponta da Sonosite possui algoritmos de visualização avançada, uma tela de exibição maior, teclado de silicone resistente a respingos e uma estrutura sólida de alumínio.

Sistema de ultrassom X-Porte O Sonosite X-Porte possui excelente qualidade de imagem, cálculos cardíacos avançados e inclui módulos educativos que estão integrados à máquina para que você possa aprender outras ultrassonografias enquanto trabalha. O sistema resistente com cobertura de vidro é incrivelmente fácil de limpar.

Sistema de ultrassom iViz O melhor ultrassom portátil, o iViz acompanha você nas rondas e está pronto para trabalhar no leito do paciente quando você precisar.

Artigos relacionados

Page Category: